Playlist de Natal? Sim!


Que saudades que já tinha de vocês de vos escrever posts! 
A verdade é que o meu tempo tem sido cada vez mais escasso, a faculdade tem-me tirado imenso tempo, para trabalhos, projectos, etc, e o blog infelizmente teve de ficar um pouco para trás porque não tem dado para conciliar tudo. 😞 Mas não vos deixo sem novidades e por isso é que temos cá a Ana a escrever-vos posts e a atualizar este blog que tanto precisa!

E bem, o ano tem passado a correr, já estamos em Dezembro, 2017 parece que está a passar num ápice, serei a única a achar isso? Ahaha
E com o inicio de Dezembro (que na realidade já deveria te ter começado a falar deste tema antes mas desculpem-me) vem já o cheirinho a Natal, é verdade, e por isso o meu primeiro post sobre o Natal vai ser uma Playlist das músicas que mais ouço nesta época, sim, acreditem ou não, eu seleciono músicas para ouvir em épocas diferentes! 
Chamem-me de tonta, ahaha, mas parece que as músicas são como a fruta, umas apetecem mais numa época e outras noutra. Mas óbvio, ouço imensas outras músicas nestas alturas ahaha, mas há sempre aquela Playlist que só apetece na época a que ela pertence mesmo e músicas de Natal só se ouvem quando está oficialmente aberta a época natalícia, verdade ou mentira?

Por isso mesmo, e não vou continuar aqui com o parlapié, vamos ouvir a Playlist que vos preparei!

Acho que a maior parte das músicas que fazem parte desta Playlist são do vosso conhecimento, até porque são as mais clássicas do Natal e por isso não podia deixar de as colocar aqui e também porque adoro ouvi-las todas.

E vocês o que mais gostam de ouvir no Natal? Fazem alguma Playlis em especifico? 
Um super beijo e até ao próximo post! 💗

4 Tipos Máscaras com Mel

Nós damos vários euros em produtos para tratar determinados problemas que tenhamos com a nossa pela, sejam eles acnes ou aquelas manchas que a nossa pele ganha, dinheiro esse que muitas vezes acaba por ser mandado para o lixo porque resultados, não vemos nenhuns!
Então porque não fazer-mos nós uma máscara em casa? Ver se é mais util que aquele produto que não nos faz nada! 
Hoje trago-vos 4 máscaras para 4 tipos de problemas, a única coisa em comum é 1 ingrediente, o mel!
O mel é um ingrediente rico em vitaminas, minerais e enzimas que é beneficiário para o nosso organismo, por isso que é vezes tantos remédios caseiros com este ingrediente, mas além disso o mel tem propriedades emolientes e enfoliantes, por isso este sem dúvida um ingrediente muito usado em máscaras faciais!

1 - Para o Acne

O mel e a canela são capazes de combater a proliferação de bactérias causadores de acne quando estes são aplicados sobre a pele. 
Ingredientes:
3 Colheres de chá de mel

1/2 colher de chá de canela em pó

Preparação e Aplicação:
Misture o mel e a canela e aplique em toda a face, exceto na região em redor dos olhos.
Deixar a máscara agir por 20 a 30 minutos e enxaguas bem com água. 
Podem utilizar esta máscara 1x por semana no máximo.

2- Para Manchas e Cicatrizes

O mel contém substâncias que combatem os danos à nossa pele e ajudam a prevenir os sinais de envelhecimento, como as manchas na pele, já o limão além de ser rico em vitamina C, produz um efeito esfoliante e clareador , ajudando assim a acalmar/ suavizar as manchas escuras e cicatrizes.
Junto com o Mel, o limão deixa a pela logo mais macia nas primeiras aplicações, porém, para observarmos o efeitos nas manchas e/ou cicatrizes, será necessário aplicarmos  a máscara durante algumas semanas ou meses.
Ingredientes:
2 Colheres de chá de mel
1/2 colher de chá de sumo de limão.

Preparação:
Misturar o mel e o sumo de limão e aplicar a máscara sobre a face deixando agir por 20 a 30 minutos. 
Enxaguar bem o rosto com água e sabão neutro certificando que removemos todo o produto.

Atenção: O limão pode provocar manchas na pela de forma permanente se nos expusermos ao sol. Por isso devemos permanecer em um ambiente fechado enquanto tivermos com a máscara.
Por ser ácido, o limão pode causar algum tipo de irritação a pele, devemos assim utilizar a máscara no máximo 1 ou 2 vezes por semana.

3 - Para Pele Seca
O podeerde hidratação e nutrição é apenas mais um dos benefícios do mel, pois este oferece-nos uma série de vitaminas e minerais, isto faz do mel o ingrediente ideal para pelos ressecada. Para dar um extra power a esse efeito, adicionamos o abacate que fornece gorduras nutritivas para a pele, e não nos vamos esquecer do iogurte, que contém ácido láctico, excelente para deixar a pele macia, suavisar os poros e estimular a produção de colágeno.
Ingredientes:
1 colher de chá de mel
1 colher de chá de iogurte natural integral
1 colher de chá de abacate

Preparação:
Amassar bem o abacate e misturar com o mel e o iogurte até obter uma pasta uniforme.
Aplicar a máscara no rosto 20 a 30 minutos antes de enxaguar.
Podemos usar esta receitas várias vezes por semana que assim quisermos.

Para Pele Sensível
Como dito em cima o mel tem propriedades cicatrizantes que ajudar a regenerar tecidos lesionas, o aloe vera, por sua ver é um excelente calmante para inflamações e irritações cutâneas.
Desta forma ao misturar estes dois ingredientes, obtemos uma máscara excelente para quando a pele está sensível ou irritada, pois esta ajuda a acalmar as inflamações, o vermelhidão, eczema e queimaduras solares,
excelente certo?
Ingredientes: 
2 colheres de chá de mel
1 colher de chá de gel de aloe vera
Preparação:
Misturar o mel e o gel de aloe vera  e aplicar a máscara em todo o rosto. 
Deixar actuar por 10 a 20 minutos e enxaguar com água fria.
Podemos utilizar esta máscara diariamente.

Alguém ai já experimentou alguma destas máscaras? Eu sei de alguém que já experimentou 2 delas e com ela deu resultado! 
Até ao próximo post,
Beijocas Gigantescas!

+Uma Peça Versátil: Camisa Feminina

Existem várias peças no universo feminino que por muito que o tempo passe essas peças não vão sair de moda, venha que tendências vier ou vão embora as que forem à certas peças que simplesmente ficaram e não querem ir embora por nada, a camisa feminina é uma delas.
Uma aposta praticamente infalível para as mais diversas ocasiões desde negócios a apenas uma saída com os amigos, basta saber o que vamos conjugar!
A versatilidade de uma camisa oferece-nos uma liberdade de criar looks mais elaborados, como a sobreposição com uma blusa de malha com decote V, ou até mesmo com a gola toda fechada e com um colar maxi por cima. O que não nos pode faltar é a criatividade na hora de escolher! 

Camisa com Jeans
As camisas mais larguinhas ficam bastante bem para usarmos as nossas famosas skinny jeans, para dar-mos uma elegância ao look basta colocar um saltinho mas para quem gosta do conforto umas sabrinas ou até mesmo o nosso amado ténis serve perfeitamente! 
Este é o tipo de look ideal para um trabalho informal ou para um momento mais casual, como uma saída de amigos.
Camisa com Shorts

Para quem gosta de realçar a cintura uma boa opção é optar por dar um nó à camisa e conjugar com uns shorts. Para quem quer dar um toque mais elegante pode sempre optar por uns shorts de Alfaiataria.

Camisa com Saia
Para situações mais formais aportem em tecidos como viscose ou seda, ou seja tecidos que pareçam mais sofisticados. Tradicionalmente o que mais vemos é camisa com saia lapis mas para quer quiser fugir ao normal uma boa alternativa é as saias midis. 
Para situações mais casuais podemos optar por uma saia evasê, curta ou não, que para quem gosta de dar um disfarçada no quadril é uma boa solução.

Camisa Branca
Quando se fala em peças democráticas e versátei, temos de falar obrigatoriamente da camisa branca. 
Em combinções mais neutras ou para dar uma neutralizada em looks com peças mais vibrantes como uma peça vermelha, a camisa branca faz o trabalho.

Onde Comprar:


1 - Zaful - 10.99€ - Compra Aqui
2 - Zaful - 17.09€ - Compra Aqui
3 - SheIn - 9,50- Comprar Aqui
4 - SheIn- 13.82 -Comprar Aqui
5 - Berska - 19.99€ - Comprar Aqui
6 - Forever21 - 16€ - Comprar Aqui
7 - Pull&Bear - 22.99€ - Comprar Aqui

Como podem ver pelos exemplos que vos mostrei a camisa é realmente uma peça bastante versátil e com um como te imaginação e paciência conseguimos vários looks lindos com ela. 
Espero que tenham gostado das dicas que vos dei meus amores.
Até ao próximos post,
Beijocas Gigantescas!

Cinema com a Ana: The Good Doctor


Booom diiia meus amores!! Tudo bem? Prontos para o fim de semana que se a próxima? Eu espero que sim! Bom nesta bela sexta feira trago-vos uma série que eu tenho andado a ver e que tenho ADORADO e tenho a certeza que quem ainda não vê ou conhece vai adorar! Ou pelo menos assim espero 😉
Comecei a ver esta série porque primeiro já tinha alguma curiosidade em começar a ver porém o tempo tem sido pouco e então até à data ainda não tinha conseguido ver nem 1 episódio, mas como por vezes coisas acontecem, eu ganhei algum (bastante) tempo para me atualizar neste mundo das séries.
Então sem mais Blas blas blas vamos ao que interessa!

The Good Doctor  conta a história de um jovem adulto que é autista e cirurgião. Shaun é um jovem cirurgião diagnosticado com savantismo (sindrome do génio), que é recrutado para trabalhar num hospítal de grande prestígio. Apesar de ter um enorme conhecimento em medicina, Shaun não tem um grande à vontade a relacionar-se com as pessoas, nem tem um tato muito bom no que trata de dar más notícias ás pessoas, o que no fundo acaba por ser um grande problema para que o comité.

"The Good Doctor tem tudo para ser um sucesso. Impossível você não se cativar com a Inocência de Shaun e não sentir as dores do preconceito que ele sofre no hospital por se julgado 'incapaz'. Freddie Highmore (Shaun), é um espectáculo consegue transmitir, com mestria, cada emoção do seu personagem ao telespectador.

Ao longo dos episódio eu fui tendo várias reacções de raiva até à tristeza que a certo ponto é inevitável nós não sentirmos. Tristeza por toda a discriminação e preconceito que ele vai sofrer e tristeza por isso e pela sua história que vamos saber logo nos primeiros episódios por isso desengane-se quem pensa que vai ter de esperar muito para saber saber o passado desta grande personagem.
Foi o diretor do hospital Dr Aaron Glassman quem lutou para que Shaun conseguisse uma vaga no hospital, pois eles já se conheciam de tempos antigos e ele sabe o quão inteligente Shaun é, porém é compreensível quando o comité não está muito convencido em contratar alguém com autismo para a equipa de cirurgiões afinal muita coisa pode acontecer, porém devido a acontecimentos eles acabam por aceitá-lo mas como é óbvio o percurso de Shaun não vai ser nada fácil.
Afinal ele vai ter de se habituar a um sítio totalmente novo, um ambiente de trabalho totalmente novo apesar de ser isto que ele quer e principalmente ele vai ter de lidar com o preconceito dos pacientes e principalmente com o dos colegas que não acreditam que ele vá ser capaz de cumprir as expectativas, ou é isso que alguns esperam pelo menos.


Elenco:
Freddie Highmore - Dr. Shaun Murphy
Nicholas Gonzales - Dr. Neil Melendez
Antonia Thomas - Dr. Claire Brown
Chuku Modu - Dr. Jared Kalu
Hill Harper - Dr. Marcus Andrews
Richard Schiff - Dr. Aaron Glassman


Minha Opinião: 09/10
Tenho a certeza que quem  vê esta série concorda comigo quando eu digo que o Freddie Highmore nos dá uma interpretação de sonho, brilhante mesmo. É algo realmente maravilhoso de ver com ele intrepreta o Shaun e nos transmite tanto. Sabem quando vocês vêm uma série e sabem que vale a pena? Que episódio após episódios temos algo que nos agarra à serie e queremos continuar a vê-la? Pois então é que se passa, no meu caso eu quero ver como vai continuar a história dele no hospital, como é que colegas dele vão continuar a interagir com ele, como é que ele se vai habituar a tua uma vida nova que se já se está a provar ser um desafio? 

E é isto! Se vocês vêem a serie digam-me o que acham amores, se ainda não vêem, bom então do que estão à espera?!? Não a sério do que estão à espera? 
Até ao próximo post!!
Beijocas Gigantescas!  

Make Me Bio - Garden Roses


Se há algo que amo, são cremes, adoro tudo o que seja cuidados com a pele e quando posso compro sempre alguns produtos de cuidados com a pele, e devemos sempre ter cuidados especiais com a pele do nosso rosto, deve de estar bem hidratada e cuidada para se ter um resultado perfeito no fim de uma make up!

Hoje venho falar-vos deste creme Garden Roses da Make Me Bio que a Cósméticos Online me convidou para testar, e pelo nome da marca vocês já podem perceber que é um creme totalmente natural e para quem não conhece a Make Me Bio, é uma marca Polaca que produz produtos completamente naturais, sem químicos, sendo que a marca promete: 
"Os nossos cosméticos são completamente naturais, criados com base em extratos de plantas, de culturas testadas e ecológicas, com óleos e vitaminas em formas puras. Os produtos feitos com o rótulo Make Me Bio, são de alta qualidade, e devem à seleção apropriada e combinações harmoniosas de ingredientes naturais."  


O Garden Roses é um creme hidratante para pele sensível, que na sua composição contém:

- Óleo de Noz de Macadamia
- Manteiga de Manga
- Óleo de Amêndoas Doces
- Água de Rosas
- Óleo de Jojoba 

Falando do aspecto, adorei a embalagem do creme é um frasquinho de vidro escuro, que não sei porquê, mas a mim fez-me lembrar um mini frasquinho de doce ahaha!
O cheiro do creme é bem a água de rosas, que particularmente eu gosto muito, não é um cheiro muito intenso, é bem subtil.


Em relação ao creme em si, é bem hidratante, bastante mesmo, gostei muito desse ponto, visto que é para peles secas acho que para quem tem a pele seca se irá dar super bem com este creme.
Eu não tenho pele seca, uso-o apenas à noite, gosto de usar um creme hidratante durante a noite, porque quem tem pele oleosa também a precisa de hidratar, não se esqueçam!

Dei-me super bem com este creme, nada de alergias e uso-o também porque como é para peles sensíveis e a minha é bem sensível e como tenho rosácea usei-o e acalma um pouco a minha vermelhidão à noite, como tem água de rosas na sua composição fez esse papel de acalmar a pele.

Vende-se no site do Cosméticos Online (link), com o preço de 11.80€, acho um preço ok, visto que uso um creme da Avène que tem menos quantidade, 40ml, e custa 13€ e este creme trás 60ml.

Tenho para vos oferecer 15% de desconto do creme, basta usarem o código GardenRoses, basta colocarem o código no campo que diz VOUCHER no carrinho de compras!
Esta promoção é válida até dia 30/11/2017, aproveitem o desconto porque sinceramente o creme é ótimo!

Um super beijo e até ao próximo post! 💓

Quais os Alimentos Anti-inflamatórios?



A maioria das inflamações é causada principalmente pelos alimentos que ingerimos. Os alimentos industrializados, enlatados e os congelados podem causar mais inflamações, mas não podemos culpar só esse tipo de alimentos, mas ter conta peso e medida a consumi-los.

A inflamação apresenta patogénicos (agentes que provocam doenças) como as bactérias que podem invadir o nosso corpo e deixar-nos menos saudáveis.

No entanto, quando estas inflamações duram mais do que deveriam, podem-se tornar num problema sério e causar uma doença grave.
Como, por exemplo, a obesidade muito comum nos dias de hoje, as pessoas não tem cuidado com sua alimentação e posteriormente só retornarão ao seu peso e saúde com dietas detox, dieta dukan, entre outras.

Por isso vou dar uma lista de alimentos que são ótimos anti-inflamatórios e que deviamos de comer bem mais!


1. Cúrcuma
(um rizoma  - caule subterrâneo - que é da família do gengibre)


Vem da índia, e é um tempero reconhecido pela sua cor amarela.
No entanto, nos últimos anos, essa espécie ganhou popularidade pelas suas propriedades anti-inflamatórias, propriedades que foram estudadas em múltiplas ocasiões.
A cúrcuma possui um composto activo, conhecido como cúrcumina, que consegue diminuir a inflamação no nível molecular.


2. Azeite

Um dos óleos mais saudáveis ​​que existem é o azeite virgem-extra e, que temos em tanta abundância no nosso querido Portugal, assim como o óleo de coco também é um dos óleos mais saudáveis.
Destacada pelo seu alto teor de vitamina E, e vitamina K, bem como gorduras monoinsaturadas saudáveis, sendo o mais abundante em ácido oleico.


3. Peixes ricos em ômega 3

Existe uma variedade de peixes que são muito ricos em ácidos ômega 3, gordura saudável e essencial que não pode ser sintetizada pelo corpo humano.

Os ácidos ômegas-3 tem sido objeto de extensa pesquisa por causa das suas múltiplas propriedades terapêuticas e demonstrou que o seu consumo em suplementos ou dieta diminui significativamente a inflamação.


4. Cacau (chocolate preto)


Os efeitos anti-inflamatórios do cacau são mais do que comprovados.

No que se referem às doenças cardiovasculares, os poli fenóis encontrados no cacau demonstraram melhorar os marcadores de inflamação em pacientes com alto risco de doença cardíaca, diminuindo assim a probabilidade de aterosclerose.
Os flavonoides de chocolate, uma variação de poli fenol, tem a capacidade de aumentar a biodisponibilidade do óxido nítrico, conhecido por manter o endotélio saudável com vários mecanismos, sendo um deles uma diminuição dos fatores inflamatórios.


5. Abacates

Tem gorduras saudáveis, entre os quais é realçado o ácido oleico o que foi mostrado que colabora na redução dos níveis de marcador inflamatório C - proteína reativa.
O consumo de abacate proporcionará quantidades significativas de vitamina K, fibra, ácido fólico, vitamina C, potássio, certas quantidades de vitamina B e minerais.


6. Gengibre


O gengibre tem sido usado como remédio natural contra muitas doenças ao longo dos anos.
Seu uso tem uma longa história e uma das propriedades mais conhecidas é a capacidade de servir como agente anti-inflamatório, pois possui um composto bioativo chamado gingerol, responsável por efeitos positivos na inflamação.


7. Frutos vermelhos


Os frutos vermelhos são um grupo de frutas que tradicionalmente cresceu no combate da inflamação, entre elas podem ser encontrados as amoras, framboesas, mirtilos e morangos.
Este tipo de fruta se destaca pelo alto teor de vitamina C, fibra e água, além de outros compostos vegetais.
Os frutos vermelhos têm antioxidantes da família antocianinas, um pigmento natural que lhes dá a cor vermelha, mas também possui efeitos anti-inflamatórios.


8. Cogumelos

Os cogumelos comestíveis são muito apreciados na nossa gastronomia, e eu amo ahah 😁!
Existem imensas variedades deles, mas nada de os ir apanhar sem se conhecer bem, pois muitos deles são venenosos!
Este grupo de alimentos caracterizou-se pelo baixo teor calórico e também por um grande número de substâncias que combatem a inflamação.

Aparentemente, eles podem ser eficazes na prevenção e melhora das doenças intestinais e inflamatórias, como a síndrome do intestino irritável.
No entanto, demonstrou-se que os efeitos anti-inflamatórios dos cogumelos são reduzidos consideravelmente após cozinhados.


9. Tomates

Os tomates são vegetais muito comuns em vitamina A, vitamina C, vitamina K e vários tipos de minerais como o potássio ou o magnésio. No entanto, outros compostos de tomate são a causa de suas propriedades anti-inflamatórias.
O licopeno é um pigmento natural, um antioxidante apontado pela sua capacidade de diminuir as respostas inflamatórias ligadas ao cancro.


10. Uvas


Como frutas vermelhas (mas também temos as brancas), as uvas possuem antocianinas, que já explicamos ser um composto antioxidante capaz de reduzir a inflamação.
De acordo com vários estudos, a melhora nos marcadores de inflamação produzidos pelo consumo regular de uvas pode reduzir o risco de diferentes tipos de doenças:

Doenças relacionadas à idade.

Doenças dos olhos.

Doenças cardiovasculares.

Da mesma forma, uma substância encontrada no resveratrol das uvas, tem muitos benefícios saudáveis, todos eles melhorando os níveis de inflamação.


11. Cerejas

Os antioxidantes encontrados nas cerejas, como catequinas e antocianinas, possuem importantes propriedades anti-inflamatórias.
Em vários estudos científicos, provou-se que o consumo regular de cerejas, acalma dores e reduz a inflamação indicada pelos exercícios físicos.


12. Pimentas / pimentões

As pimentas têm um grande número de substâncias com potentes efeitos anti-inflamatórios, por exemplo, capsaicina.
A quercetina, flavonoide antioxidante encontrada nas pimentas tem sido associada à prevenção de inflamações e infecções, bem como à redução do estresse oxidativo e inflamação em pacientes com sarcoidose.
Outro tipo de antioxidantes, como o ácido sinapínico ou ferúlico obtido em algumas variedades de pimentas, também mostrou ter propriedades anti-inflamatórias.


13. Brócolos


E por fim temos os nossos queridos brócolos, que são um vegetal cruciferante rico em vitamina K e vitamina C.
Devido ao seu teor de isotiocianato, principalmente sulforafano, o consumo de brócolos pode reduzir significativamente a inflamação e prevenir doenças como o cancro (que já foi referido no post sobre Outubro Rosa).

Para quem quiser saber mais sobre este assusto, sugiro que assistam a este vídeo informativo sobre o assunto!

Video: https://youtu.be/H767d5SGJi0

Espero que tenham gostado do post, com um tema que nos devíamos debruçar mais para cuidarmos da nossa saúde.

Um super beijo e até ao próximo post! 💓
Em parceria com a Rosi Feliciano do blog Boa Forma.